Domingo, 30 de Agosto de 2009

Tenha sonhos

 

Você precisa ter sonhos, para que possa se levantar, todas as vezes que cair.
Acreditar que, a toda hora, acontecerão coisas boas, e mudar o rumo da sua vida.
Você precisa ter sonhos grandes e pequenos. Os pequenos são as felicidades mais rápidas, os grandes são os que dão força para suportar o fracasso dos sonhos pequenos.

Você tem que regar os teus sonhos todos os dias, assim como se rega uma planta para que cresça...
Precisa dizer sempre a você mesmo: "Vou conseguir! - vou superar! - vou chegar no meu sonho!"

Fazendo isso, você estará cultivando sua luz, a luz das esperanças, que nunca deve se apagar, pois ela é a imagem que você passa pras outras pessoas.
É através dessa luz que todos vão lhe admirar, acreditar em você e te seguir.

Mire -se na lua, pois se você não puder atingi-la, com certeza irá conhecer grandes estrelas... Ou quem sabe, poder ser uma delas!

 

 Vilma Galvão

 


publicado por Maria Glaene às 17:38
link do post | comentar | favorito

Talvez seja muito tarde...

 

 

Se está bravo com alguém, e ninguém faz alguma coisa para consertar a situação... Conserte você. Talvez hoje, aquela pessoa ainda queira ser seu amigo, e se você não consertar isto logo, talvez amanhã seja muito tarde. Se está apaixonado por alguém, mas a pessoa não sabe... Diga a ela. Talvez hoje, aquela pessoa também esteja apaixonada por você e se você não falar isto hoje, talvez amanhã seja muito tarde. Se você morre de desejos de dar um beijo em alguém... Então dê. Talvez essa pessoa também queira seu beijo. Se você não der isto a ela hoje, talvez amanhã seja muito tarde. Se você ama alguém e acha que esse alguém lhe esqueceu... Então diga a ele. Talvez essa pessoa sempre o tenha amado e se você não lhe disser isso hoje, talvez amanhã seja muito tarde. Se você precisa de um abraço de um amigo... Você deve lhe pedir. Talvez ele precise isto mais que você, e se você não lhe pedir hoje, amanhã pode ser muito tarde. Se você realmente tem amigos, aos quais aprecia... Conte isto a eles. Talvez eles também o apreciem, e se eles partem ou vão embora, talvez amanhã seja muito tarde.
 

 


publicado por Maria Glaene às 17:18
link do post | comentar | favorito

O Velho e o Neto

 

Era uma vez um velho muito velho, quase cego e surdo, com os joelhos tremendo. Quando se sentava à mesa
para comer, mal conseguia segurar a colher. Derramava sopa na toalha e, quando, afinal, acertava a boca, deixava sempre cair um bocado pelos cantos. O filho e a nora dele achavam que era uma porcaria e ficavam com nojo. Finalmente, acabaram fazendo o velho se sentar num canto atrás do fogão. Levavam comida para ele numa tigela de barro e - o que era pior - nem lhe
davam bastante.
O velho olhava para a mesa com os olhos compridos, muitas vezes cheios de lágrimas.
Um dia, suas mãos tremeram tanto que ele deixou a tigela cair no chão e ela se quebrou. A mulher ralhou com
ele, que não disse nada, só suspirou.
Depois ela comprou uma gamela de madeira bem baratinha e era aí que ele tinha que comer.
Um dia, quando estavam todos sentados na cozinha, o neto do velho, que era um menino de oito anos, estava
brincando com uns pedaços de pau.
- O que é que você está fazendo? - perguntou o pai.
O menino respondeu:
- Estou fazendo um cocho, para papai e mamãe poderem comer quando eu crescer.
O marido e a mulher se olharam durante algum tempo e caíram no choro. Depois disso, trouxeram o
avô de volta para a mesa. Desde então passaram a comer todos juntos e, mesmo quando o velho derramava
alguma coisa, ninguém dizia nada.


publicado por Maria Glaene às 11:44
link do post | comentar | favorito

Quem Sabe Somar, Sabe Dividir

 

Somar é a primeira operação matemática que se aprende, a que temos mais facilidade e que gostamos mais.

Primeiro agente gosta de somar várias vezes palitos e giz, depois brinquedos e roupas da moda, depois somar dinheiro, depois somar carros e casas, e sempre somar alegria e felicidade.

Isto já é multiplicação, que também é fácil de aprender, é só somar várias vezes a mesma coisa.

A Segunda operação que aprendemos é a subtração.

Aí começa a ficar estranho.

Principalmente quando tem que pedir emprestado na casa do vizinho, digo, casa decimal ao lado. Ninguém gosta mais de diminuir do que somar.

Quando chega na divisão é quase um desespero, ainda mais quando sobra um resto.

É que ninguém entende aonde ou pra quem vai ficar o resto.

Até no cotidiano ninguém gosta de dividir nada.

A dificuldade no aprendizado não parece à toa, o homem rejeita essa prática.

Quando o homem aprender a dividir corretamente e saber onde deve ficar o resto, entenderá que é o mesmo que somar para alguns, mantendo a quantidade de outros, sem necessariamente subtrair de alguém, ou seja, é o mesmo que somar igual para todos; entenderá também que somando os restos teremos mais um inteiro divisível, fazendo outros felizes.

O resultado final também é uma soma, a soma da felicidade geral.

Poderíamos até chamar esta operação de soma distribuída.

Com esta visão, com certeza a matemática daria mais resultados, talvez fosse dispensável aprender contas de dividir e os homens continuariam felizes a somar palitos, brinquedos, dinheiros, carros, casas e felicidade, porém não somente para si.

Quem sabe?
 

 


publicado por Maria Glaene às 11:37
link do post | comentar | favorito

O destino de cada um

 

 

Por momentos de plena felicidade em nossa vida.
Momentos esses que nos marcam de uma forma surpreendente e nos transformam, nos comovem, e que também muitas vezes nos machucam profundamente.
As pessoas que entram em nossa vida sempre entram por alguma razão, algum propósito.
Elas nos encontram ou nós as encontramos meio que sem querer, não há programação da hora em que encontraremos essas pessoas.
Assim, tudo o que podemos pensar é que casa um de nós encontra aquilo que é importante para si mesmo.
Ainda que a pessoa que entrou em nossa vida aparentemente não nos ofereça nada, ela não entrou por acaso, não estar passando por nós apenas por passar.
O universo inteiro conspira para que as pessoas se encontrem e resgatem algo com as outras.
Discutir o que cada um de nós trará não nos mostrará nada e ainda nos fará perder tempo demais desperdiçando a oportunidade de conhecer a alma dessas pessoas.
Conhecer a lama significa conhecer o que as pessoas sentem, o que realmente elas desejam de nós, ou o que elas buscam no mundo, pois só assim é que poderemos tê-las por inteiro em nossa vida.
A amizade é algo que importa muito na vida do ser humano, sem esse vinculo, nos não teremos harmonia.
Precisamos de amigos para nos ensinar, compartilhar, nos conduzir, nos alegrar e também para cumprirmos nossa missão na terra.
“Amar ao próximo como a si mesmo”.
E, para que isso aconteça, é preciso que nos aceitemos em primeiro lugar e depois olhemos para o próximo e enxerguemos nele o nosso reflexo.
Essas pessoas entram em nossa vida, às vezes de maneira tão estranha, que nos intrigam até.
Mas cada uma delas é especial, mesmo que o momento seja breve, com certeza elas deixarão alguma coisa para nós.
Observe a sua vida, comece a recordar todas as pessoas que já passaram por você e o que cada uma delas deixou.
Você estará buscando sua própria identidade, que foi sendo construída aos poucos, de momentos que aconteceram na sua vida e que ate hoje interferem em seu caminho.
Aproveite para conquistar uma pessoa a cada dia, dar a elas a sua maior atenção e fazer com que você também seja algo muito importante na vida dessas pessoas.
Quando sentir que alguém é especial para você. Diga a ele o que sente, e terá feito um momento de felicidade na vida de alguém.
Faça hoje tudo que tiver vontade. Abrace seu amigo, os seus irmãos, os seus filhos.
Dê um sorriso para todos, até mesmo para seu inimigo. Se estiver amando, ame para valer, viva cada minuto desse amor, sem medir esforços. Seja alegre toda as manhãs. Planeje o seu destino!
Sopre aos ventos os seus sonhos: eles irão se espalhar pelos ares e voltar a você em forma de realidade.
Preste bastante atenção em todas as pessoas.
Elas poderão estar trazendo a sua tão esperada felicidade.
 


publicado por Maria Glaene às 11:30
link do post | comentar | favorito

Não Espere

 

Não espere um sorriso para ser gentil.



Não espere ser amado para amar.



Não espere ficar sozinho para reconhecer o valor de quem está do seu lado.



Não espere ficar de luto para reconhecer quem hoje é importante para você.



Não espere a queda para lembrar-se do conselho.



Não espere a enfermidade para reconhecer quão frágil é a vida.



Não espere ter dinheiro aos montes para então contribuir.



Não espere por pessoas perfeitas para então se apaixonar.



Não espere a mágoa para pedir perdão.



Não espere a separação para buscar a reconciliação.



Não espere elogios para acreditar em si mesmo.



Não espere a dor para acreditar em oração.



Não espere o dia de sua morte sem antes amar a vida!

 


publicado por Maria Glaene às 11:29
link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 3 seguidores

.pesquisar

 

.Agosto 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28

31


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. Tenha sonhos

. Talvez seja muito tarde.....

. O Velho e o Neto

. Quem Sabe Somar, Sabe Div...

. O destino de cada um

. Não Espere

. Menos e mais

. Pessoas Especiais

. A Importância de saber vi...

. O Cirurgião e o Mecânico

.arquivos

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

.tags

. todas as tags

.favoritos

. Fernando Pessoa

. A Corrente Da Felicidade

. Amiga Maldita

. Escolhe

. Eco da Vida

. Consertei o Mundo

. Milho Bom

. A piscina e a cruz

. Anos dourados...

. ***De todas as coisas que...

SAPO Blogs

.subscrever feeds